Conheça os novos recursos de confidencialidade do WhatsApp

O mensageiro instantâneo do grupo Meta está implementando mais recursos para aumentar a privacidade dos usuários como, por exemplo, aumentar o prazo para excluir uma mensagem e sair de um grupo discretamente.

WhatsApp: a privacidade no WhatsApp

O WhatsApp é um ótimo mensageiro instantâneo. Mas, como muitas outras ferramentas digitais, é vulnerável. É muito fácil obter informações privadas sobre alguém apenas pelo número de telefone e, além do mais, certas funções do aplicativo podem levar a situações embaraçosas - sem mencionar a espionagem nos casos mais graves.

O WhatsApp já havia resolvido o problema ao permitir escolher os contatos autorizados a ver sua foto de perfil, suas informações pessoais, bem como a hora de sua última conexão, desativar a notificação 'Visto' para determinados contatos em particular, esconder o status online e, anunciado mais recentemente, poder sair de grupos sem notificação (saiba mais, na continuidade do artigo). O grupo Meta, dono do WhatsApp, também do Facebook e Instagram, continua em alta e anunciou em 9 de agosto em seu blog a implantação gradual de novas funções destinadas a devolver aos usuários mais controle sobre a visibilidade de suas informações.

Quais as novas funções para proteger a privacidade no WhatsApp

Excluir mensagens até dois dias e meio depois de ser enviada no WhatsApp

Até agora, os usuários podiam excluir uma mensagem enviada no WhatsApp após um dia, oito horas e dezesseis segundos – um tempo preciso. Conforme anunciado no Twitter, este prazo foi estendido.

A partir de agora, é possível excluir uma mensagem até sessenta horas após o envio, ou seja, dois dias e meio. Ótimo, mas não sem algumas interrogações: do que adiantaria, na prática, suprimir uma mensagem depois de tanto tempo? Sim, é bem verdade que a mensagem não ficaria disponível para ser usada depois do prazo estendido na conversa, mas qualquer mensagem pode ser salva ou ser guardada pela captura de tela antes desse prazo, não é?

Sair de grupos sem notificação no WhatsApp

Com a implementação de um desses recursos, os usuários poderão sair de um grupo sem que todos os outros na conversa sejam notificados, conforme você pode ler no nosso artigo WhatsApp: como sair de grupos sem ser visto e esconder status de online. Normalmente, aparece uma notificação na conversa e o aplicativo avisa os demais participantes dessa partida. Bastante desconfortável pela indiscrição, especialmente porque um grupo pode conter até 256 participantes. Com a nova opção, ninguém ficará sabendo – a menos que consultem e conheçam a lista de membros de cor – exceto os administradores do grupo, que ainda receberão um alerta.

O que está por vir de acordo com os responsáveis do WhatsApp?

Mensagens de visualização única bloquearão a captura de tela no WhatsApp

Por fim, Mark Zuckerberg anunciou que mensagens de visualização única em breve bloquearão capturas de tela, como o exemplo de fotos e vídeos enviados para o Snapchat. De fato, o aplicativo permite que as imagens sejam enviadas por um tempo limitado – elas só podem ser visualizadas uma vez – sem deixar rastros. Emfim, em teoria, já que alguns aproveitam para tirar screenshots… Por enquanto, o Meta não indicou nenhuma data de implantação para esta função, que ainda está em teste, mas está impaciente "para implantá-la para nossos usuários". Outras novas opções de segurança também devem chegar nos próximos meses, pois o grupo diz que quer continuar “desenvolvendo novas maneiras de proteger mensagens e torná-las tão privadas e seguras quanto conversas cara a cara”.

Foto: © Rahul Shah - Pexels.

Veja também
Este documento, intitulado 'Conheça os novos recursos de confidencialidade do WhatsApp', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Assine nossa newsletter!